América Latina

Entrevista com Nico de Téquio Audiovisual do México sobre Midia Livre e Zapatismo

Por ocasião do I Encontro de Cine Comunitário e Comunicação Audiovisual, em Buenos Aires realizado pelo coletivo Cine En Movimiento nos dias 5, 6, 7 e 8 de novembro, conversei com Nico, no jardim das ESMA, sobre a ação articulada dos coletivos de mídia livre no México, na rede Los Tejemedios e o movimento zapatista de Chiapas no sul do país.

Nico comentou que por ocasião da morte do Galeano professor da Escuelita Zapatista, há cerca de 02 anos atrás o periódico La Jornada, com quem o movimento mantinha um vinculo para divulgar suas ações, noticiou que Galeano havia sido morto em confronto com para-militares, ao passo que havia sido morto com um tiro pelas costas e desarmado.  A partir daí o movimento zapatista divulga um comunicado chamado ‘La Rabia y El Dolor’ convidando para as comemorações por Galeano. Nesse convite apenas os ‘Medios Libres, Alternativos , Autônomos ou como se chamem” podiam participar para fazer a cobertura de imprensa.

Essa expressão acabou por fazer compreender que mais que debater-se sobre que nome ou como necessariamente são os coletivos de midia alternativa, era importante se aproximar na prática pelo que estavam fazendo e porque estavam fazendo uma outra comunicação.

Como o movimento zapatista tem a prática de planejar bem suas ações com a comunicação, esses eventos também marcaram a morte do Subcomandante Marcus, porta-voz do movimento e o surgimento de Subcomandante Galeano. Fato que obrigou a imprensa comercial e hegemônica a noticiar os conteúdos produzidos pelos coletivos independentes.

Nico também envia um saludo aos coletivos do Brasil apontando para a necessidade de articulação entre os coletivos de comunicação contra hegemônica, no que ele chama de “caixa de ressonância” na América Latina.

Assista ao video com a entrevista realizada no dia 08 de novembro, no jardim do Espaço Memória e Verdade, que é um museu sobre o maior centro de detenção e tortura da ditadura argentina, e o maior da América Latina. Em breve publicarei um texto com entrevistas sobre o museu também.

Comentários do Facebook

Comentários

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top