Luta Contra o Racismo

MC Tom Maior segue prisioneiro do estado no Rio de Janeiro

Mais um ano que se passa e o companheiro Mc Tom Maior segue prisioneiro desse Estado racista e assassino!

”LIBERDADE PARA TOM MAIOR!

Adeilton Costa Lima, o MC Tom Maior, trabalhador informal, rapper, e militante da Frente Internacionalista dos Sem Teto (FIST), foi condenado a 11 anos de prisão, sob a falsa acusação de roubo. Ele está desde o dia 30/09/2014 preso no presídio Patrícia Acioli em São Gonçalo.

Tom foi julgado pelo juiz Flávio Itabaiana de Oliveira Nicolau, o mesmo responsável pela absurda ordem de prisão ‘’preventiva’’ de 23 manifestantes às vésperas da final da Copa. No caso de Tom, a condenação veio mesmo com todas as quatro testemunhas ouvidas em juízo o inocentando. Vale destacar que nenhuma delas era amiga do condenado.

Até mesmo a única testemunha de acusação que foi fazer o reconhecimento de Tom em audiência, atestou que o mesmo não era um dos criminosos, e mais: disse textualmente que TOM NUNCA ESTEVE NO ESTABELECIMENTO ONDE OCORREU O CRIME.

A prisão de Tom faz parte de uma onda geral de criminalização por parte do poder judiciário da pobreza, da negritude e da luta pela moradia. Por serem pretos e pobres se insurgindo contra os interesses da especulação imobiliária no Rio de Janeiro, vários moradores de ocupações já foram vítimas de perseguições pelas autoridades como essa sofrida por Tom.

NÃO PODEMOS NOS CALAR DIANTE DE MAIS ESTA INJUSTIÇA”

Comentários do Facebook

Comentários

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top