Midiativismo

Facebook e outras redes sociais censuram conteúdos de esquerda

Por Lincoln Sousa.

Uma censura bem sutil e silenciosa está em andamento na internet. Mecanismos de busca e redes sociais estão selecionando, dificultando e/ou limitando o acesso dos usuários a determinados sites, conteúdos e informações.

Nos EUA, estão isolando a população em relação a determinados assuntos referentes ao Oriente Médio, Rússia, entre outros. Nos territórios palestinos ocupados (Israel), o estado ocupante está conseguindo dificultar, e muito, o acesso da população a assuntos como BDS, “breaking the silence”, história e cultura da Palestina, ocupação da Palestina, ataques a direitos humanos dos palestinos etc.

No Brasil, páginas de esquerda, e as contrárias ao golpe, estão sendo “tiradas do ar” sob a justificativa (na maioria das vezes, infundada) de “não estar de acordo com a política de uso”. E, quando não conseguem fazer isso, limitam, ao máximo, o “alcance” das publicações dessas páginas. O acesso à informação se tornou seletivo e direcionado. E essa “seleção” não está sendo feita pelo usuário em muitos casos. Na guerra da desinformação, manter a população na ignorância é fundamental.

Já não existia privacidade na internet. Agora, o direito de acesso à informação, sem censuras, está em perigo. E a próxima vítima será a liberdade de expressão.

Lincoln Sousa é leitor e colaborador informal da Mídia Independente Coletiva.

mic

Comentários do Facebook

Comentários

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top