Movimentos Sociais

Aldeia Maracanã apoia a #UERJResiste

Ontem, no dia 26/01 um ato composto por estudantes da UERJ e indígenas da Aldeia Maracanã marcou presença nos arredores da universidade. Fechando ruas principais, como a 28 de Setembro, e com apoio de um carro de som.

A Aldeia Maracanã onde funciona hoje a Universidade Indígena entende a necessidade e urgência da manutenção das universidades públicas do Brasil. O apoio entre o a resistência indígena e a resistência estudantil é mútua.

Na manifestação, jovens universitários fizeram apelo às doações de materiais de higiene pessoal, alimentos não perecíveis e ferramentas de jardinagem – no espaço da Aldeia está sendo implementada uma horta.

A Aldeia fica localizada na parte de trás do Museu do índio, quem puder doar, pode passar lá a qualquer hora!

Quem não puder doar, pedimos que compartilhe a publicação.

A MIC é apoiadora da Aldeia Maracanã e faz esse apelo aos assinantes da página.

Texto: Rodrigo Duarte Baptista/ Carlos Augusto Lima França

Foto: Vitor Ribeiro

Comentários do Facebook

Comentários

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top